! !

domingo, 10 de julho de 2011

... Fuga ...



Começo a dar os passos, um a um.
Desço degrau a degrau, as escadas...
Escadas que conheço de cor.
Escadas, que me levam ao mais fundo do meu ser,
ao ser irreconhecível em que me transformo,
sempre que "abusam", ou "abuso" de mim,
do meu Eu.
Cansam-me, os "seres", cansam-me...
E eu fujo...
De mim, e por mim ...
Sou absolutamente intragável, intratável...
indomável.
Mau feitio?
Um pouco...entenda-se como quiser.
Eu não me entendo, não quero fazer por isso,
o curso é este, primeiro é a descer,
depois olho, á minha volta "acordo",
vejo como cheguei ao fundo,
olho de frente os "olhos" dos quês e porquês.
E volto ao meu estado...normal?
Depois começo a subir...é sempre assim.
Cansativamente assim..
Tudo tem um fim...
E até este estado estupidificante de ser, o terá.
Ainda não consegui verter uma única lágrima,
sinto algo que é errado, pela "lei" natural,
já deveria ter chorado tudo,
já teria deitado tudo para fora e simplesmente não consigo.
Hoje simplesmente não quero, nada nem ninguém.
Nem tão pouco a mim...

Maria.

Beijo n´oteudoceolhar.

(A "fuga" levou a pouco mais de 3 horas de fotografia ...
Ter um "brinquedo"novo dá nisto...
Foi começar, numa ponta da cidade e ir a pé, sempre em frente...
É o que sinto é o que expresso, como sempre faço...
Perto de 500 registos entre manhã e depois tarde, com a sobrinha
Ontem sábado foi assim, hoje tudo mudou...)

15 Comentários:

Blogger Lacorrilha disse...

Está visto que a tua "Carlota" é o teu melhor escape, portanto o novo brinquedo foi uma prenda certeira nesta altura do campeonato.
Adorei as fotografias, ou não fosse eu apaixonada por pormenores.
Beijocas

11 de julho de 2011 às 02:02  
Blogger Flor de Jasmim disse...

Maria querida
O Passado jamais é esquecido!!!Mesmo que não possa ser valorizado, pode-se deixa-lo passar sobretudo aquilo que nos feriu profundamente, esta é uma forma de dar as boas vindas a tudo o que surge de novo.
Força Amiga.
Beijinho n,oteuolhar boa semana

11 de julho de 2011 às 09:08  
Blogger oteudoceolhar disse...

Lacorrilha,

tá visto não está?
Deve ter sido por isso que andava a há tanto tempo a querer comprar uma. Ainda n viste tu nada.
O Brinquedo novo ainda me deixa reticente ... na calha vem outra.
Cada um "defende-se", "esconde-se" por detrás, daquilo que mais "ama" ... Não tenho dúvidas, e aposto que tu tb não.
Detalhes...foi mesmo nisso que aindei, e estes já fazia meses que estavam mentalmente ...fotografados.
Beijo n´oteudoceolhar.

11 de julho de 2011 às 10:11  
Blogger PauloSilva disse...

Primeiramente eu quero agradecer as palavras lindas desta Maria que sempre me deixa!

Agora quero elogiar essas lindas fotografias, muuuuito fantásticas!

E bem, minha querida, podemos fugir... mas somos nós e tudo irá atrás. O que nos pertence, realmente, a nós virá.

Um beijo *

11 de julho de 2011 às 13:13  
Blogger SOL da Esteva disse...

Maria

O teu doce olhar, se vir bem dentro da Alma, encontrará as respostas que te deixam descer até ao fundo da escadaria de ti.
Saberes o que queres, quem queres e como queres, decerto te dará a Paz, a Alegria, a Realização, o Suporte...
para que hoje e nunca mais queiras nada de ninguém. Assim serás completa.
Não há gente com mau feitio; há gente que não descobriu como controlá-lo.

Beijo

SOL

11 de julho de 2011 às 13:32  
Blogger oteudoceolhar disse...

Flor,

nem se trata de ser ou não esquecido...morreu, enterrado...feriu? Isso são outros quinhentos...a natureza de Maria por vezes é mesmo assim.
Demasiado "lamechas", mas vê lá nem uma lágrima! Preocupante...ou não.

Beijo n´oteudoceolhar

11 de julho de 2011 às 19:07  
Blogger N. Barcelli disse...

Chorar nem sempre alivia...
O teu poema é muito bonuito, gostei imenso.
Como também gosto das tuas fotos.
Querida amiga Maria, desejo-te uma boa semana.
Beijo.

11 de julho de 2011 às 19:36  
Blogger oteudoceolhar disse...

Paulo, pensador, Maria apenas deixa as palavras que tem de deixar...lê o que escreves e ... escreve. Maria é que agradece "olhares" as fotos com olhos de ver...acho que foi das manhãs, que mais "prazer" me deu fotografar (logo coloco mais). Tempo inconstante, que deu para muito. Eu fugi ... mas olha o azar ...tou de volta. Maria tem destes momentos. Paulo, não corro atrás de nada nem de ninguém...já n "espero" nada ... se vier que venha e venha por bem boa?? Beijo ao Pensador n´oteudoceolhar *

11 de julho de 2011 às 20:05  
Blogger Era uma vez... disse...

Boa tarde linda flor!
Sei bem como são essas fugas, julgo serem totalmente necessarias para podermos voltar a respirar e olhar de frente tudo aquilo que nos cansa e consome dia apos dia.
Beijinhso de LUZ pra ti e uma linda semana!!!

11 de julho de 2011 às 21:10  
Blogger oteudoceolhar disse...

Sol,

seremos nós alguma vez capazes de sermos ou nos sentirmos completos?
O que é ser completo? Estou absolutamente descrente…
Mas estou firme … e essas escadas um dia vão, desaparecer um dia.
Quando a frieza se torne completa … porque a vida assim nos ensina…com e sem alegria pelo meio, realizados, mais ou menos …
O mau feitio só surge quando, me ajudam a isso …


Beijo n´oteudoceolhar *

12 de julho de 2011 às 01:21  
Blogger oteudoceolhar disse...

Nilson,

Vindo de um poeta, só tenho de agradecer.
Poema…talvez mero desabafo …
Pelas fotos agradeço assim…OBRIGADA!

Beijo n´oteudoceolhar.

12 de julho de 2011 às 01:23  
Blogger oteudoceolhar disse...

Era uma vez,

Com um mimo desses, “linda Flor”.
Quem não entende estas fugas, vive na “ perfeição” (digo eu), como a perfeição é algo meramente utópico …eu fujo quando tenho de fugir …”tou nem aí”.
Sim depois é voltar … Felizes de nós que assumimos, e que voltamos … e quando não for para voltar é porque não teve de ser assim …e tomamos outro caminho.
Dia após dia …

Beijo n´oteudoceolhar.

12 de julho de 2011 às 01:27  
Blogger PauloSilva disse...

O que tiver de vir, virá. Exactamente minha querida Maria. Agradeço as suas palavras que tão leves são. Fotografias as suas... lindas! Eu adorei a sensibilidade. Quero mais: viciei.

Um beijo querida *

12 de julho de 2011 às 13:21  
Blogger oteudoceolhar disse...

Nem mais Pensador ...
A minha mãe por acaso também me trata por querida ... será melhor colocar aspas. Entenda-se.

Fotos vira, com toda a certeza ...

Obg Paulo.

12 de julho de 2011 às 13:44  
Blogger Secreta disse...

QUe dizer a ti que sabes que te compreendo e que me compreendes tão bem?!
Olha...há dias complicados!
Beijito.

14 de julho de 2011 às 12:10  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

} @media handheld { #wrap { width:90%; } #main-top { width:100%; background:#FFF3DB; } #main-bot { width:100%; background:#FFF3DB; } #main-content { width:100%; background:#FFF3DB; } } #inner-wrap { padding:0 50px; } #blog-header { margin-bottom:0px; } #blog-header h1 { margin:0; padding:0 0 6px 0; font-size:225%; font-weight:normal; color:#612E00; } #blog-header h1 a:link { text-decoration:none; } #blog-header h1 a:visited { text-decoration:none; } #blog-header h1 a:hover { border:0; text-decoration:none; } #blog-header p { margin:0; padding:0; font-style:italic; font-size:94%; line-height:1.5em; } div.clearer { clear:left; line-height:0; height:10px; margin-bottom:12px; _margin-top:-4px; /* IE Windows target */ background:url("") no-repeat bottom left; } @media all { #main { width:560px; float:left; padding:8px 0; margin-left:-40px; } #sidebar { width:240px; float:right; padding:8px 0; margin-left:-50px; } @media handheld { #main { width:100%; float:none; } #sidebar { width:100%; float:none; } } #footer { clear:both; background:url("") no-repeat top left; padding-top:10px; _padding-top:6px; /* IE Windows target */ } #footer p { line-height:1.5em; font-family:Verdana, sans-serif; font-size:75%; } /* Typography :: Main entry ----------------------------------------------- */ h2.date-header { font-weight:normal; text-transform:capitalize; text-align:right; letter-spacing:.1em; font-size:90%; margin:0; padding:0; } .post { text-align:center; margin:8px 0 24px 0; line-height:1.5em; } h3.post-title { font-weight:normal; text-align:center; font-size:140%; color:#da70cd; margin:0; padding:0; } .post-body p { text-align:center; margin:0 0 .6em 0; } .post-footer { font-family:Verdana, sans-serif; color:#da70cd; font-size:74%; border-top:0px solid #BFB186; padding-top:6px; } .post ul { margin:0; padding:0; } .post li { line-height:1.5em; list-style:none; background:url("") no-repeat 0px .3em; vertical-align:top; padding: 0 0 .6em 17px; margin:0; } /* Typography :: Sidebar ----------------------------------------------- */ h2.sidebar-title { font-weight:normal; font-size:120%; margin:0; padding:0; color:#da70cd; } h2.sidebar-title img { margin-bottom:-4px; } #sidebar ul { font-family:Verdana, sans-serif; font-size:86%; margin:6px 0 12px 0; padding:0; } #sidebar ul li { list-style: none; padding-bottom:6px; margin:0; } #sidebar p { text-align:center; font-family:Verdana,sans-serif; font-size:86%; margin:0 0 .6em 0; } /* Comments ----------------------------------------------- */ #comments {} #comments h4 { font-weight:normal; font-size:120%; color:#29303B; margin:0; padding:0; } #comments-block { line-height:1.5em; } .comment-poster { background:url("") no-repeat 2px .35em; margin:.5em 0 0; padding:0 0 0 20px; font-weight:bold; } .comment-body { margin:0; padding:0 0 0 20px; } .comment-body p { font-size:100%; margin:0 0 .2em 0; } .comment-timestamp { font-family:Verdana, sans-serif; color:#29303B; font-size:74%; margin:0 0 10px; padding:0 0 .75em 20px; } .comment-timestamp a:link { color:#473624; text-decoration:underline; } .comment-timestamp a:visited { color:#716E6C; text-decoration:underline; } .comment-timestamp a:hover { color:#956839; text-decoration:underline; } .comment-timestamp a:active { color:#956839; text-decoration:none; } .deleted-comment { font-style:italic; color:gray; } .paging-control-container { float: right; margin: 0px 6px 0px 0px; font-size: 80%; } .unneeded-paging-control { visibility: hidden; } /* Profile ----------------------------------------------- */ #profile-container { margin-top:12px; padding-top:12px; height:auto; background:url("") no-repeat top left; } .profile-datablock { margin:0 0 4px 0; } .profile-data { display:inline; margin:0; padding:0 8px 0 0; text-transform:uppercase; letter-spacing:.1em; font-size:90%; color:#211104; } .profile-img {display:inline;} .profile-img img { float:left; margin:0 8px 0 0; border:1px solid #A2907D; padding:2px; } .profile-textblock { font-family:Verdana, sans-serif;font-size:86%;margin:0;padding:0; } .profile-link { margin-top:5px; font-family:Verdana,sans-serif; font-size:86%; } /* Post photos ----------------------------------------------- */ img.post-photo { border:1px solid #A2907D; padding:4px; } /* Feeds ----------------------------------------------- */ #blogfeeds { } #postfeeds { padding:0 0 12px 20px; }

domingo, 10 de julho de 2011

... Fuga ...



Começo a dar os passos, um a um.
Desço degrau a degrau, as escadas...
Escadas que conheço de cor.
Escadas, que me levam ao mais fundo do meu ser,
ao ser irreconhecível em que me transformo,
sempre que "abusam", ou "abuso" de mim,
do meu Eu.
Cansam-me, os "seres", cansam-me...
E eu fujo...
De mim, e por mim ...
Sou absolutamente intragável, intratável...
indomável.
Mau feitio?
Um pouco...entenda-se como quiser.
Eu não me entendo, não quero fazer por isso,
o curso é este, primeiro é a descer,
depois olho, á minha volta "acordo",
vejo como cheguei ao fundo,
olho de frente os "olhos" dos quês e porquês.
E volto ao meu estado...normal?
Depois começo a subir...é sempre assim.
Cansativamente assim..
Tudo tem um fim...
E até este estado estupidificante de ser, o terá.
Ainda não consegui verter uma única lágrima,
sinto algo que é errado, pela "lei" natural,
já deveria ter chorado tudo,
já teria deitado tudo para fora e simplesmente não consigo.
Hoje simplesmente não quero, nada nem ninguém.
Nem tão pouco a mim...

Maria.

Beijo n´oteudoceolhar.

(A "fuga" levou a pouco mais de 3 horas de fotografia ...
Ter um "brinquedo"novo dá nisto...
Foi começar, numa ponta da cidade e ir a pé, sempre em frente...
É o que sinto é o que expresso, como sempre faço...
Perto de 500 registos entre manhã e depois tarde, com a sobrinha
Ontem sábado foi assim, hoje tudo mudou...)

15 Comentários:

Blogger Lacorrilha disse...

Está visto que a tua "Carlota" é o teu melhor escape, portanto o novo brinquedo foi uma prenda certeira nesta altura do campeonato.
Adorei as fotografias, ou não fosse eu apaixonada por pormenores.
Beijocas

11 de julho de 2011 às 02:02  
Blogger Flor de Jasmim disse...

Maria querida
O Passado jamais é esquecido!!!Mesmo que não possa ser valorizado, pode-se deixa-lo passar sobretudo aquilo que nos feriu profundamente, esta é uma forma de dar as boas vindas a tudo o que surge de novo.
Força Amiga.
Beijinho n,oteuolhar boa semana

11 de julho de 2011 às 09:08  
Blogger oteudoceolhar disse...

Lacorrilha,

tá visto não está?
Deve ter sido por isso que andava a há tanto tempo a querer comprar uma. Ainda n viste tu nada.
O Brinquedo novo ainda me deixa reticente ... na calha vem outra.
Cada um "defende-se", "esconde-se" por detrás, daquilo que mais "ama" ... Não tenho dúvidas, e aposto que tu tb não.
Detalhes...foi mesmo nisso que aindei, e estes já fazia meses que estavam mentalmente ...fotografados.
Beijo n´oteudoceolhar.

11 de julho de 2011 às 10:11  
Blogger PauloSilva disse...

Primeiramente eu quero agradecer as palavras lindas desta Maria que sempre me deixa!

Agora quero elogiar essas lindas fotografias, muuuuito fantásticas!

E bem, minha querida, podemos fugir... mas somos nós e tudo irá atrás. O que nos pertence, realmente, a nós virá.

Um beijo *

11 de julho de 2011 às 13:13  
Blogger SOL da Esteva disse...

Maria

O teu doce olhar, se vir bem dentro da Alma, encontrará as respostas que te deixam descer até ao fundo da escadaria de ti.
Saberes o que queres, quem queres e como queres, decerto te dará a Paz, a Alegria, a Realização, o Suporte...
para que hoje e nunca mais queiras nada de ninguém. Assim serás completa.
Não há gente com mau feitio; há gente que não descobriu como controlá-lo.

Beijo

SOL

11 de julho de 2011 às 13:32  
Blogger oteudoceolhar disse...

Flor,

nem se trata de ser ou não esquecido...morreu, enterrado...feriu? Isso são outros quinhentos...a natureza de Maria por vezes é mesmo assim.
Demasiado "lamechas", mas vê lá nem uma lágrima! Preocupante...ou não.

Beijo n´oteudoceolhar

11 de julho de 2011 às 19:07  
Blogger N. Barcelli disse...

Chorar nem sempre alivia...
O teu poema é muito bonuito, gostei imenso.
Como também gosto das tuas fotos.
Querida amiga Maria, desejo-te uma boa semana.
Beijo.

11 de julho de 2011 às 19:36  
Blogger oteudoceolhar disse...

Paulo, pensador, Maria apenas deixa as palavras que tem de deixar...lê o que escreves e ... escreve. Maria é que agradece "olhares" as fotos com olhos de ver...acho que foi das manhãs, que mais "prazer" me deu fotografar (logo coloco mais). Tempo inconstante, que deu para muito. Eu fugi ... mas olha o azar ...tou de volta. Maria tem destes momentos. Paulo, não corro atrás de nada nem de ninguém...já n "espero" nada ... se vier que venha e venha por bem boa?? Beijo ao Pensador n´oteudoceolhar *

11 de julho de 2011 às 20:05  
Blogger Era uma vez... disse...

Boa tarde linda flor!
Sei bem como são essas fugas, julgo serem totalmente necessarias para podermos voltar a respirar e olhar de frente tudo aquilo que nos cansa e consome dia apos dia.
Beijinhso de LUZ pra ti e uma linda semana!!!

11 de julho de 2011 às 21:10  
Blogger oteudoceolhar disse...

Sol,

seremos nós alguma vez capazes de sermos ou nos sentirmos completos?
O que é ser completo? Estou absolutamente descrente…
Mas estou firme … e essas escadas um dia vão, desaparecer um dia.
Quando a frieza se torne completa … porque a vida assim nos ensina…com e sem alegria pelo meio, realizados, mais ou menos …
O mau feitio só surge quando, me ajudam a isso …


Beijo n´oteudoceolhar *

12 de julho de 2011 às 01:21  
Blogger oteudoceolhar disse...

Nilson,

Vindo de um poeta, só tenho de agradecer.
Poema…talvez mero desabafo …
Pelas fotos agradeço assim…OBRIGADA!

Beijo n´oteudoceolhar.

12 de julho de 2011 às 01:23  
Blogger oteudoceolhar disse...

Era uma vez,

Com um mimo desses, “linda Flor”.
Quem não entende estas fugas, vive na “ perfeição” (digo eu), como a perfeição é algo meramente utópico …eu fujo quando tenho de fugir …”tou nem aí”.
Sim depois é voltar … Felizes de nós que assumimos, e que voltamos … e quando não for para voltar é porque não teve de ser assim …e tomamos outro caminho.
Dia após dia …

Beijo n´oteudoceolhar.

12 de julho de 2011 às 01:27  
Blogger PauloSilva disse...

O que tiver de vir, virá. Exactamente minha querida Maria. Agradeço as suas palavras que tão leves são. Fotografias as suas... lindas! Eu adorei a sensibilidade. Quero mais: viciei.

Um beijo querida *

12 de julho de 2011 às 13:21  
Blogger oteudoceolhar disse...

Nem mais Pensador ...
A minha mãe por acaso também me trata por querida ... será melhor colocar aspas. Entenda-se.

Fotos vira, com toda a certeza ...

Obg Paulo.

12 de julho de 2011 às 13:44  
Blogger Secreta disse...

QUe dizer a ti que sabes que te compreendo e que me compreendes tão bem?!
Olha...há dias complicados!
Beijito.

14 de julho de 2011 às 12:10  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial